Nome: Daniel Agnello Torres
Nascimento: Em 10 de maio de 1993, no Rio de Janeiro.
Primeiro trabalho na TV: O João, na série O Pequeno Alquimista, em 2004, na Globo.
Atuação inesquecível: "O Odorico, meu personagem nordestino, em 2005, na novela A Lua me Disse, de Miguel Falabella".
Interpretação memorável: "Selton Mello, no filme O Meu Nome Não É Johnny, em 2008."
A que gosta de assistir na TV: "Filmes e alguns seriados, como Friends e Two And a Half Man".
A que nunca assistiria na TV: "Eu assisto de tudo um pouco, mas estou cansado da repetição do Big Brother".
O que falta na televisão: "Mais programas de humor no estilo do Toma Lá Dá Cá".
O que sobra na televisão: "Reality show".
Ator favorito: Morgan Freeman.
Atriz favorita: Arlete Salles.
Com quem gostaria de contracenar: Wagner Moura e Selton Mello. Se não fosse ator, seria: Músico.
Novela: "Caminho das Índias, de Glória Perez".
Cena inesquecível: "Em Meu Nome Não É Johnny, a cena do Selton Mello no tribunal".
Vilão marcante: "Flora, interpretada por Patrícia Pillar, na novela A Favorita".
Personagem mais difícil de compor: "Tistu, da peça O Menino do Dedo Verde, porque o personagem era mais novo que eu".
Que papel gostaria de representar: "Um vilão".
Filme: A Trilogia Bourne, do roteirista Tony Gilroy.
Livro: O Nariz, de Luís Fernando Veríssimo.
Autor: Machado de Assis.
Diretor: Mauro Lima.
Mania: "Colocar a mão no bolso do casaco".
Projeto: "Fazer faculdade de Cinema".






0 comentários:

Quem escreve...

Quem escreve...
Frann Maia-Arte Educadora

Postagens populares

Seguidores

Google+ Followers

Total de visualizações de página

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog